Não vamos perder de vista

|
Já muito se tentou desviar a atenção das responsabilidades da pantomima que foi a temporada de 2011. Maguila, Parreirinha, Mauro Galvão, Nerto Laudelino, Luciano Corrêa, enfim, um verdadeiro rosário de costas largas. A bola da vez é o filho do presidente, Gabriel Zunino, que oficializa seus negócios de empresário inclusive junto aos jogadores do Avaí. Conquanto uma situação clássica de nepotismo, novamente o único responsável por essa permissividade é o presidente do clube, pai do novo empresário. Será que isso está claro para você? Essa é a "nova era". Foto Fábio Machado

Um comentário:

Pablo Antony disse...

Pessoal,

Não podemos deixar este pessoal acabar com o Avaí. E isto pode acontecer se deixarmos! Alguém um dia imaginou o Santa Cruz de Recife com a torcida que tem estar na situação em que está?
Temos que estar em alerta, pois podemos não ter a mesma sorte ou competência que vimos no co-irmão.

Postar um comentário